16/07/2016

Resenha: No limite do desejo


Título: No limite do desejo
Autor(a): Katie McGarry
Editora: Verus
Número de páginas: 350
Sinopse: Haley é campeã de kickboxing, mas, após enfrentar uma tragédia, jurou nunca mais pôr os pés no ringue. Até o dia em que o cara em quem ela não consegue parar de pensar aceita uma luta de MMA em homenagem a ela. De repente, Haley tem de treinar West Young. Cheio de atitude, West é tudo o que Haley prometeu a si mesma evitar. Ainda assim, ele não vai durar cinco minutos no ringue sem a ajuda dela. West está escondendo um grande segredo de Haley, sobre quem ele realmente é. Mas ajudá-la lutar por ela é uma chance para a redenção. Ele não pode mudar o passado, mas talvez possa mudar o futuro de Haley. Haley e West combinaram de manter o relacionamento estritamente dentro do ringue. Mas, conforme uma ligação inesperada se forma entre eles e o desejo chega ao limite, eles terão de enfrentar seus medos mais obscuros e descobrir se vale a pena lutar pelo amor.
 
''Estou apaixonado por você. Estou apaixonado por você e não sei como fazer você se sentir melhor. Estou apaixonado por você e não devia estar. Estou apaixonado por você e, quando descobrir quem sou, você não vai me amar. Estou apaixonado por você e sempre ferro com quem me ama de volta.''
Okay, não é segredo nenhum que eu estava super louca pra ler esse livro - que como já era de se esperar, é um sucesso. Antes mesmo de começar a abranger a respeito da história, vale logo ressaltar agora no começo que é um enredo que retrata tantos assuntos importantes, que o leitor obviamente tem que observá-lo como um gênero muito além do romance.

Haley é uma campeã de kickboxing que acabou abandonando a vida dentro dos ringues depois de passar por um momento trágico. Ela é o tipo de garota que está destroçada por dentro. Como se já não bastasse esse problema, sua vida ainda é recheada de uma série de acontecimentos que só fazem levá-la a crer que as coisas nunca dariam certo.

Perdida. As coisas nunca parecem dar certo para a mocinha e a tão famosa luz no fim do túnel também não é fácil de achar. Mas sabe uma das melhores coisas nessa personagem? Embora encontre-se, literalmente falando, no meio de um caos, ela não é de se fazer de coitadinha e ficar esperando pena dos demais que ficam à sua volta. Cheia de problemas, bate de frente com cada um deles e conta apenas com si mesma para enfrentá-los.

Quando fugia de caras que queriam roubar os remédios do seu pai, seu caminho cruza de forma inusitada com West Young - onde num momento para livrá-la de um problema acaba criando um maior. A verdade é que West também convive com seus próprios demônios e são dois personagens passando por um período de tantas dificuldades que posso dizer que ambos juntos fazem tudo entrar em combustão.


''Escuto a respiração dele, sinto o movimento do peito e me concentro na delicadeza dos dedos segurando os meus. Minha mente vaga, e não vivo mais em um sótão, a escuridão não me atormenta mais com meus medos. Abrigada, aquecida e protegida pelos braços fortes, durmo.''

West vai lutar uma luta de MMA por ela e se Haley não lhe treinar, o garoto não vai durar nem cinco minutos. O relacionamento dos dois vai muito além do ringue, tal coisa ela não imaginava ter que lidar. A escrita da autora é muito boa, sem detalhes desnecessários para cansar a leitura, ela coloca o ponto certo para ambientar cada situação.

A leitura em determinados momentos me dava raiva, por achar que a personagem estava sendo um tanto egoísta, em outros por estar cansada de tanta dramatização. Ultimamente, a maioria das histórias que venho lendo é a mocinha quem mais coloca empecilhos para o relacionamento e o não querer achar uma solução ou uma brecha já estava enchendo o meu saco. Haley, mulher, vou te dar umas sacudidas.

O livro é o quarto volume da série 'No limite', mas são histórias independentes. Claro que é bem legal se você ler as outras obras, mas todas elas podem ser lidas foram de ordem que não vai influenciar na leitura. Já conheciam? Leram? O que acharam?
 

''Isso é tudo que somos? Ações e reações contínuas? Não temos nenhum controle sobre nosso futuro? Um papelzinho-cor-de-rosa e perdemos a casa... E eu perco meu pai? Uma decisão de namorar o cara errado e perco Jax e Kaden? Um passo em falso na calçada e meu destino se enrosca no de um estranho? Se isso é verdade, a vida é um jogo patético e doentio.''

 ↪Adicione ''No limite do desejo'' à sua lista no skoob

Annielly Cavalcante. 23 primaveras. Acadêmica de Direito, escritora, perfeccionista, louca por anáforas, metáfora pura e uma romântica nata.

Pesquisando algo?

últimas leituras

Queridinhos do mês

Próximas resenhas

1. Gaia, a roda da vida

2. A borboleta, o sonho e o corvo

3. Entre dois mundos

4. Até quando? - Parte 1

5. A caverna cristalina - Vol. 1

6. As vozes da floresta

Amorzinhos

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Copyrights


Todos os direitos reservados - Copyright ©
Conteúdo autoral. Proibido todo e qualquer tipo de cópia. Plágio é crime!


Se você detém o direito sob quaisquer das imagens aqui postadas, favor entrar em contato.
dearmasen@hotmail.com





Tecnologia do Blogger.